/Laudir cita necessidade de políticas públicas para ciclistas em audiência pública

Laudir cita necessidade de políticas públicas para ciclistas em audiência pública

Nesta quarta-feira (22), o vereador Laudir Munaretto (MDB) realizou uma audiência pública na Câmara Municipal para discutir o Plano Cicloviário de Dourados. Contou com as presenças de autoridades e ciclistas que utilizam a bicicleta como meio de transporte, lazer ou esporte.

O intuito da audiência foi promover discussões entre poder executivo, entidades e população para elaborar leis e ações que garantam maior segurança aos ciclistas da maior e mais populosa cidade do interior de Mato Grosso do Sul.

A elaboração de um plano cicloviário garante a melhoria da qualidade de vida da população, da infraestrutura e da mobilidade urbana, além de valorizar e fortalecer a responsabilidade ambiental, incentivar o turismo, o lazer e a prática esportiva.

“O plano cicloviário de Dourados trará impactos positivos para a sociedade e para o meio ambiente em diversas escalas. Por isso, é primordial ouvir quem lida com o problema no dia a dia, a fim de construir ações efetivas para garantir a segurança no trânsito”, enfatizou Laudir.

Ainda na audiência, o vereador Laudir Munaretto apresentou uma indicação, que será encaminhada ao Executivo Municipal, solicitando a realização de estudos e posterior implantação de uma ciclovia paralela à BR-163, entre o Parque das Nações I e II e a JBS (Seara Alimentos Ltda.).

Há um grande número de trabalhadores da empresa que utilizam a bicicleta como meio de transporte para o local de trabalho, sendo que muitos residem no Parque das Nações I e II e adjacências, e o intenso movimento de veículos na rodovia coloca em risco aqueles que utilizam diariamente a via.

Além do propositor da audiência, presidente Laudir Munaretto, a mesa de autoridades foi composta pelo deputado estadual Renato Câmara; o procurador-geral do município Paulo Cesar Nunes da Silva; o secretário de Planejamento e Serviços Urbanos, Romualdo Diniz Salgado Júnior.

Também fizeram parte da mesa a diretora presidente da Agetran, Mariana de Souza Neto; a presidente do Instituto Emanuelle e fundadora do Movimento Bike Viva, Andréa Aleixo e o secretário de Obras Públicas Luis Gustavo Casarin.

A diretora de Educação para o Trânsito do Detran-MS também esteve presente na audiência pública, assim como os vereadores Olavo Sul, Jânio Miguel e Elias Ishy.

Fonte: Assessoria