/Motorista bate em moto e foge com aluna da polícia no teto

Motorista bate em moto e foge com aluna da polícia no teto

Câmera de segurança de uma loja flagrou atropelamento de duas pessoas que estavam em uma moto, entre elas uma aluna da Polícia Civil, de 30 anos. No vídeo é possível notar que Landerson Correa Teixeira, que estava bêbado e na contramão, não para após a colisão (veja o vídeo no fim da matéria) e anda por vários metros com a vítima no teto do automóvel.

O relógio marca 5h51 quando o suspeito aparece no canto do vídeo. Depois da batida, a moto e o condutor, de 19 anos, caem no meio da pista, no entanto, a policial em formação para em cima do Hyundai I30 em que estava Landerson, de 35 anos.

O motorista continua a dirigir e, segundo investigação inicial, chegou a percorrer cerca de um quilômetro até que a vítima caísse. Na sequência, ele continua a fugir.

O carro do suspeito foi apreendido pela polícia com o parabrisa completamente destruído. Em razão da força da batida, o airbag chegou a ser acionado. Parado pela polícia minutos depois próximo ao aterro sanitário, na saída para Sidrolândia, Landerson alegou que havia atropelado uma capivara, no entanto, a polícia já tinha informações que se tratava do veículo envolvido no acidente.

O homem estava visivelmente bêbado, mas se recusou a fazer o teste do bafômetro, sendo então realizado um TCACP (Termo de Constatação de Alteração da Capacidade Psicomotora).

As vítimas foram socorridas pelo Corpo de Bombeiros. Consta que a aluna da polícia foi transportada até a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Leblon e o condutor da moto para o hospital da Unimed.

“A informação que temos é que ela está sedada e o rapaz passando por um procedimento cirúrgico, já que fraturou um dos membros inferiores. Quanto ao carro, já fizemos a perícia”, comentou o delegado Fabrício Dias, que registrou a ocorrência.

De acordo com as informações apuradas pela reportagem do Campo Grande News, a mulher de 30 anos, aluna da PCMS (Polícia Civil de Mato Grosso do Sul) estava na garupa de uma motocicleta Titan, conduzida por um rapaz de 19 anos. Eles se deslocavam para a academia de polícia.

O condutor da moto trafegava pela Rua Verdes Mares, quando no cruzamento com a Avenida Marechal Deodoro, foi surpreendido pelo Hyundai I30 conduzido por Landerson, na contramão da via. Os veículos colidiram frontalmente, sendo que a moto foi arrastada por quase 20 metros.

Fonte: Midiamax