/Três são detidos por fazer família refém; parente é suspeito de participação

Três são detidos por fazer família refém; parente é suspeito de participação

Lucas Silva Alves (18) e Pedro Levi Jardim Ferreira (19)e um adolescente de 16 anos são suspeitos de ação criminosa com uma família feita de refém, em propriedade rural próximo ao distrito de Carumbé. De acordo com o Ifato, o trio é acusado de invadir uma propriedade rural por volta das 00h, desta quinta-feira (27) para roubar veículos.

Dois criminosos teriam arrombado uma das portas da residência da propriedade. O casal ouviu barulho e saiu para ver o que havia acontecido e foi surpreendido pelos autores que rendiam a filha deles de oito anos com um revólver.

A ameaça era tirar a vida da criança, caso não fossem obedecidos. Ainda conforme o Ifato, os autores tentaram funcionar três maquinários agrícolas da propriedade, mas não pelo fato dos veículos ficarem com os cabos das baterias desconectadas. Eles solicitaram que a vítima dirigisse um dos veículos, mas ele afirmou não saber.

Ainda conforme o site, as vítimas informaram que eles ligaram para alguém durante o ocorrido relatando que precisariam que um motorista fosse ao local, mas, devido o dia estar amanhecendo, desistiram de levar os veículos.

Os autores reviraram a residência e levou cerca de R$ 200 do local e uma bicicleta.

Existe a suspeita de que um parente da família tenha participado da ação, ainda de acordo com o Ifato.
O casal que foi imobilizado pelos criminosos conseguiu se soltar e acionou a Polícia Civil de Itaporã.

Com o apoio da Polícia Militar de Itaporã, os policiais civis identificaram participação do adolescente de 16 anos, morador na Vila União, sendo que este daria estadia para os outros dois dos acusados.

Dando sequência as investigações, os policiais em seguida, localizaram os outros acusados de envolvimento Lucas e Pedro.

O parente da família suspeito de estar envolvido no crime, ainda não foi localizado.

Os policiais ainda apreenderam o revólver calibre 38 utilizado no crime com cinco munições intactas e quase todo o dinheiro roubado das vítimas.