/DOF e Força Tática seguram as pontas até chegada da Força Nacional
até a chegada da Força Nacional

DOF e Força Tática seguram as pontas até chegada da Força Nacional

A situação continua complicada na região de Caarapó, onde mais um conflito entre indígenas e fazendeiros, desta vez iniciado no domingo (26), agravou a já delicada situação no local. Propriedade rural localizada na Terra Indígena Dourados-Amambaipegua I, reconhecida pela Funai (Fundação Nacional do Índio), foi palco de conflito entre indígenas e fazendeiros.

Conforme o Midiamax, a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp) colocou equipes do Departamento de Operações de Fronteira (DOF) e da Força Tática das unidades operacionais da área para realizarem o policiamento ostensivo e monitorar a situação na região até a chegada de equipes da Força Nacional, que foi acionada para garantir a segurança.

Ainda de acordo com a Sejusp, não houve prisões e apreensões nas últimas horas, nem registro de novas ações criminosas na região.

No domingo, um indígena foi preso por roubo.

Informações preliminares apontam que cerca de 100 indígenas da etnia Guarani Kaiowá teriam expulsado funcionários da sede da fazenda Santa Maria, que fica no complexo Dourados-Amambaipegua.

A Funai ainda não se pronunciou sobre o caso.

Fonte: Midiamax